TODOS OS POETAS

Antologia Poética

 


Alzira Chagas Carpigiani

 

"AO SOM DOS SINOS"



Sempre igual...
Os sinos tocam
a emoção surge e
as pessoas retornam
à sua condição de
humanas
Os olhos se abrem
para os mais fragilizados
Sempre igual...
Pena que é efêmero
O mundo seria melhor
Se fosse sempre Natal.

 

VOLTAR