TODOS OS POETAS

Antologia Poética

 

Edith Kormann

 

SURDA


Ela sonhava
e rodopiava
vestida de sonhos multicores,
rodopiava e sorria,
sorria e rodopiava sem parar
para não despertar
do efêmero sonho.

A música parou,
o sorriso feliz
mergulhou no amargo silêncio.
Ela chorou
o sonho
e a vida
que a traíram.

 

VOLTAR